terça-feira, 31 de julho de 2012

A bolsa amarela - Lygia Bojunga

Reler Lygia Bojunga está me fazendo viajar pela minha infância. Imaginem que coisa boa ter uma bolsa onde podemos guardar todas a nossas vontades? Pois é, lendo este livro você acaba sendo às vezes a menina Raquel, outras o galo Afonso, outras a Guarda-Chuva, e até mesmo a própria bolsa, só para imaginar o que tem dentro dela. Quem nunca se sentiu como Raquel na sua infância? Parece que tem horas que nada está dando certo, ou que ninguém entende a gente. A Lygia Bojunga entende, e nos mostra um mundo mágico dentro de uma bolsa amarela. Vale a pena ler, reler e sonhar com esta aventura cheia de vontades. E você, quais são suas vontades? Caberia dentro de uma bolsa?
Milene

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Ser escritora

Sempre sonhei ser escritora.
Quando criança escrevia diários, imaginava histórias, inventava amigos e seres .
Achava que tudo que eu escrevia era simples, que ninguém iria querer ler. Por isso, viviam escondidos.
Por conta disso tudo, lia muito. Adorava viajar nas histórias de Lygia Bojunga, Fernanda Lopes de Almeida, Maria Clara Machado e Monteiro Lobato.
Quem sabe um dia escreveria como eles, eu pensava.
Não é que já na vida adulta, depois de fazer tantas coisas diferentes, encontrei um grande mestre.
No início continuava achando que meus textos não eram para serem lidos, mas depois pensei: Então para que escrevê-los?
O mestre auxiliava, revisava, opinava e às vezes até me deixava desconfiada de algumas colocações. Mas mestres são assim mesmo, para isso que eles existem, para nos desafiarem.
Junto com o mestre estavam minhas colegas de escrita, que depois de um tempo já viraram minhas amigas. Que maravilha escutar o comentário de outras pessoas sobre meus textos. Que maravilha poder ouvir produções maravilhosas de minhas amigas.
Privilégio maior é ouvir o mestre contando histórias ou lendo algum texto seu.
Agora não me canso de escrever. Virou hábito.
Parece que se um dia eu não escrevo, está faltando alguma coisa.
Estou mais confiante, mesmo achando que ainda tenho que melhorar muito, muito mesmo. Escrever não é fácil.
Mas isso já é uma outra história.
 Milene

 Obrigada a meu mestre Celso Sisto,  a minhas amigas queridas do laboratório de autoria: Raquel, Berê, Nóia, Márcia, Roseana, Lúcia, Sandra e Diana; e principalmente a meu marido Marlon e minha mãe Marlene.

domingo, 29 de julho de 2012

A casa da madrinha - Lygia Bojunga

Linda história do menino Alexandre e suas aventuras com o amigo Pavão até a casa da madrinha.
Lygia consegue prender o leitor do início ao fim com a aventuras de um menino pobre do Rio de Janeiro, que cria um mundo imaginário para fugir da situação em que vive. Junto com ele viaja um Pavão, que também sonha com muitas coisas. No caminho para casa da madrinha, ele conhece Vera, uma menina do interior, que também acaba entrando no mundo imaginário de Alexandre.
Maravilhosas as passagens em que aparece a relação de Alexandre com a professora. Esta tem uma maleta com diversos pacotes, e a cada aula surpreende seus alunos com as coisas que saem da mala.
A relação de Alexandre com o irmão Augusto, também é descrita de uma forma extremamente carinhosa. O irmão é um legítimo contador de histórias e consegue povoar a imaginação do menino Alexandre.
O livro é uma obra prima, com todos os carinhos que uma madrinha, seja ela imaginária ou não, pode prover.


sexta-feira, 27 de julho de 2012

Curso Paulinas - A magia das histórias

Mais um encontro maravilhoso na Livraria Paulinas com a contadora de histórias Margareth Jackle.
Com uma alegria contagiante, a oficineira conseguiu fazer com  que a tarde ficasse mais quente.
Muitas brincadeiras e contações de histórias maravilhosas.
Margareth ainda nos deu dicas simples de como contar histórias. Adorei. Sempre ótimo conhecer pessoas maravilhosas e com uma aura tão linda!

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Mais reportagens

video
video
Reportagens no Jornal do Almoço e no Jornal Hoje sobre o Projeto que desenvolvo na Emef João Baptista Jaeger em NH.

Fórum de Educação de NH 2012 - Amagia da Biblioteca Escolar








Tive o prazer de participar hoje de uma Roda de Conversa sobre literatura. Apresentei o trabalho que desenvolvo na Emef João Baptista Jaeger, contei histórias e aprendi muito com meus colegas.
video

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Reportagens do Canal Futura

video
Vídeo sobre a contação de histórias. Neste dia estava contando a história "Tininha Cereja", de Celso Sisto. A matéria ficou muito legal!
video
Vídeo sobre as Sacolas Literárias.

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Contação de história com Celso Sisto

video
Trecho da contação da história "O maior nabo do mundo" no encerramento da 3ª Feira Literária JBJ.

Poesias de Celso Sisto

video
Grupo de Poesia Coração de Menina, declamando as poesias do livro Emburrado, de Celso Sisto.
Essas meninas são um arraso!

quarta-feira, 11 de julho de 2012

3ª Feira Literária da EMEF João Baptista Jaeger








 Abertura da Feira com a Bruxa Filó contando histórias
 Contação de histórias com a Profª Nícias
 Contação de histórias com a Profª Raquel Maia Beck
 Contação de histórias com a prfª Bibiane Dias Rossi
 Contação de histórias com a escritora Sílvia Helene Roos Lencine
 Encontro com o escritor de RPG Athos Beuren
Contação de histórias com Karin Haack
Piquenique Literário
Escritor Celso Sisto encerrando a Feira Literária de 2012

 Grupo de Poesia que coordeno apresentando poesias do escritor Celso Sisto
 Contação de histórias com Celso Sisto


A Feira Literária que organizei este ano está sendo um sucesso! Os trabalhos expostos estão lindos. Os escritores e contadores de hsitórias estão arrasando! Mais fotos nos seguintes links:

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Encontro Literário - NH - RESTAURAÇÃO DE LIVROS E CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS





Uma manhã quente para aprender algumas dicas de encadernação de livros. Nós que trabalhamos nas Bibliotecas escolares, sabemos o quanto os livros precisam ser reformados toda semana. A palestrante Luciana Liesenfield deu várias dicas de uso de materiais como a fita mágica, a cola de madeira, o papel Percalux, na reforma dos livros.
video
Após esta atividade, tivemos um momento de contação de histórias com a contadora de histórias Suzy Zimmer, que arrasou contando a história do Rumpelstiltskin.